Consultar PIS Online 2021

Consultar PIS Online 2021 é uma das maneiras mais fáceis de se saber o saldo do PIS sem sair de casa, porém, nem todo mundo sabe como funciona o acesso e a maneira de consultar todas as informações a respeito do Abono Salarial Caixa.

O PIS 2021 é um benefício que contempla o cidadão brasileiro assalariado desde que o mesmo preencha todos os requisitos de participação do benefício.

Consultar PIS Online 2021

Consultar PIS Online 2021

Consultar PIS Online 2021

Os trabalhadores da iniciativa privada que têm direito a receber o Abono Salarial Caixa podem consultar o Saldo do PIS diretamente pela internet. Para consultar o saldo do seu benefício, basta seguir os passos indicados abaixo:

  1. Para consultar PIS online é necessário acessar o site da Caixa através do www.caixa.gov.br
  2. Abra a aba “benefícios e programas”;
  3. Clique no link “PIS”;
  4. Na página que abre do benefício, acesse o botão “Consultar Pagamento”;
  5. Abrirá a página de login do Portal Cidadão Caixa. Para consultar PIS Online, será necessário preencher os campos com número do NIS (presente na carteira de trabalho e no cartão cidadão), e a senha da internet, que pode ser criada na hora, pelo botão “Criar senha”;
  6. Clique na caixa “Não sou um robô”;
  7. Em seguida, clique no botão “OK”
  8. Após acessar o sistema, basta clicar na guia “PIS” para consultar o valor do benefício.
Consulta PIS Online

Consulta PIS Online

Após o preenchimento do cadastro básico será possível obter diversas informações referentes ao abono salarial 2021.

Quem tem direito ao PIS?

Vale lembrar que nem todos os trabalhadores têm direito a receber o benefício. Para receber o abono, é necessário que o funcionário se enquadre em todas as regras do PIS estabelecidas pelo Ministério do Trabalho

  • Todos os trabalhadores que estão cadastrado 5 anos no programa;
  • Trabalhadores que recebem até dois salários mínimos nacionais;
  • Trabalhadores que trabalham pelo menos 30 dias no ano anterior ao de vigência do programa;
  • Trabalhadores que tem as informações cadastradas e atualizadas no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais).

Como saber o número do PIS

O número do PIS pode ser encontrado em uma série de documentos do cidadão caso este já tenha a carteira de trabalho. Todo o trabalhador precisa desse número para fazer a sua carteira de trabalho, portanto se você já tem a carteira, já possui um número de identificação. Você poderá encontrar o PIS/PASEP nos seguintes documentos:

Carteira de Trabalho

Cartão Cidadão

RG

Em modelos mais modernos de RG, com via tirada após a emissão da carteira de trabalho, o documento estará descrito como “PIS/PASEP”.

Como Sacar o PIS

A sigla PIS significa Programa de Integração Social, o benefício é pago a todos os trabalhadores contemplados anualmente, desde que o mesmo se enquadre nos requisitos de participação do programa, se enquadrando nos requisitos o trabalhador vai receber um salário mínimo nacional.

Esse benefício é pago de acordo com um calendário de pagamento, de forma que, cada trabalhador recebe em um determinado período, ou seja, o pagamento é distribuído durante os meses do ano. Sendo assim, dentro do prazo liberado o contemplado (a) deve comparecer a Caixa Econômica Federal, munido do seguintes dados:

  • RG ou documento com foto;
  • Cartão Cidadão;
  • Senha do cartão cidadão.
Como Sacar o PIS

Como Sacar o PIS

Caso você não tenha o cartão cidadão será necessário comparecer a qualquer agencia da Caixa para retirar seu benefício.

É importante ressaltar a todos os contemplados (as) que o PIS não é um benefício acumulativo, ou seja, ser não for sacado não vai permanecer na sua conta para sacar, o Governo após o prazo de saque retira essa verba das contas e destina este dinheiro para o FAT – Fundo de Amparo ao Trabalhador, onde a verba é revestida no pagamento do seguro desemprego e do salário do servidor público.

Sendo assim, no próximo ano caso o trabalhador seja contemplado com o PIS  novamente o mesmo receberá somente um benefício, por isso é extremamente importante ficar de olho no calendário, lembrando que o calendário PIS 2021 é atualizado anualmente. Ou seja, todo o ano é disponibilizado novas datas para o saque, fique atento (a) aos prazos para que você não perca o tempo de saque do benefício.

O PIS é um benefício que contempla e melhora a vida do cidadão brasileiro, além de incentivar aos trabalhadores a continuar no mercado de trabalho, além de promover a integração social o benefício visa dar uma bonificação ao trabalhador.

Calendário PASEP 2020

O PASEP 2020 é um dos benefícios mais esperado pela a classe dos servidores públicos que ganham até 2 salários mínimos por mês. O PASEP é um benefício administrado pelo o Banco do Brasil junto com o Governo Federal, destinado ao trabalhador de concursado que se enquadram aos requisitos de recebimento do programa. Esse ano, o Banco do Brasil divulgou o calendário PASEP 2020, portanto é bom que o servidor preste atenção para não perder direito ao seu abono salarial.

Calendário PIS 2020

Calendário PIS 2020

A diferença do PASEP para o PIS é que o primeiro é destinado ao trabalhador funcionário público e o PIS é destinado a pagamento do funcionário privado.

Quem tem direito ao PASEP 2021

O PASEP é um benefício pago anualmente a todos cidadão servidores públicos, para participar do programa é necessário apenas que o trabalhador se enquadre em alguns requisitos mínimos do programa.

Confira a seguir:

  • É preciso ter no mínimo 5 anos de cadastro ativo no PASEP;
  • Ter trabalhado pelo menos 30 dias de carteira assinada no ano anterior ao vigente;
  • Receber até dois salários mínimo nacional mensal;

Calendário PASEP 2020

O calendário é a única forma que o beneficiário tem para saber os prazos de pagamento do benefício, é importante se atenta as datas, pois se por algum motivo o beneficiário perde esse prazo e não sacar o benefício, o mesmo perde o direito de sacar o PASEP, o benefício não é acumulativo, ou seja, se você não realizou o saque dentro do prazo no próximo ano não será possível sacar duas vezes o benefício.

Tabela PASEP 2020 de Pagamentos

Confira abaixo o calendário de pagamentos do PASEP 2021:

Calendário PASEP 2021 BB (ATUALIZADA)
Calendário de pagamento PASEP 2021 para saques no BB:
Final do PASEP: Podem Sacar em: Podem sacar até:
0 16/07/2020 30/06/2021
1 18/08/2020 30/06/2021
2 15/09/2020 30/06/2021
3 14/10/2020 30/06/2021
4 17/11/2020 30/06/2021
5 19/01/2021 30/06/2021
6 e 7 11/02/2021 30/06/2021
8 e 9 17/03/2021 30/06/2021

Valor do PASEP 2020

O PASEP faz como referência o valor do salário mínimo nacional, sendo assim o valor de vigência deste ano é de R$ 1045,00, anualmente o valor de pagamento desse benefício é reajustado de acordo com o salário mínimo.

Vale lembrar que o valor do PASEP 2020 pé proporcional ao tempo trabalhado no ano base, portanto, só terá direito ao abono salarial completo quem tiver trabalhado para o serviço público durante todo o ano base. Quem trabalhou por menos tempo, terá direito ao abono salarial conforme a tabela abaixo:

Valor do PASEP 2020
Meses trabalhados (dias) Valor do PASEP 2020
1 R$ 88,00
3 R$ 175,00
3 R$ 262,00
4 R$ 349,00
5 R$ 436,00
6 R$ 523,00
7 R$ 610,00
8 R$ 697,00
9 R$ 784,00
10 R$ 871,00
11 R$ 958,00
12 R$ 1045,00

Como realizar o saque do PASEP 2020?

O pagamento do PASEP diferentemente do PIS é administrado e organizado financeiramente pelo o Banco do Brasil, que é o principal responsável em transferir a verba para os beneficiários, para sacar o Abono Salarial 2020 basta apenas comparecer em uma agencia do Banco do Brasil ou se preferir pode comparecer a uma agencia dos correios, os correios também são os correspondentes do Banco do Brasil.

Conheça as 3 possíveis formas de realizar o saque:

  • Correntista do Banco do Brasil, pode receber o pagamento do benefício creditado diretamente em conta;
  • Saque direto nas agências do banco do Brasil de autoatendimento, é preciso apenas estar portando um documento original com foto e a carteira de trabalho;
  • Se a empresa ou organização do trabalhador tiver vínculo com o Banco do Brasil é possível que se receba o benefício direto em folha de pagamento.

Ambos os benefícios são administrados e pagos por bancos diferentes, por isso é importante fica atento a particularidade de cada um deles, os pagamento do PIS costumam a ocorrer no meado do ano. Essa é a oportunidade que o cidadão brasileiro tem de melhorar o orçamento, o dinheiro é bem-vindo é ajuda a pagar as contas, realizar aquela tão sonhada viagem, comprar aquele objeto que você deseja já faz tempo.

Vale lembrar que as datas de pagamentos devem ser respeitadas para que você receber o seu PASEP dentro do prazo.

Salário Mínimo 2021

Ao fim de cada ano, os trabalhadores brasileiros ficam ansiosos a respeito da divulgação do novo valor do salário mínimo. Isto porque o salário mínimo é utilizado por cerca de 40 milhões trabalhadores que exercem atividade remunerada em regime à Consolidação das Leis do Trabalho, também conhecida como CLT, que garante que esse ano, o salário mínimo 2021 seja calculado com aumento capaz de cobrir a inflação do ano anterior.

Portanto, muita gente fica atenta à todas as notícias que giram em torno do salário mínimo. Então, quer se informar sobre a tabela, reajuste e valor do salário mínimo 2021? Leia o artigo abaixo!

Salário Mínimo 2021

Salário Mínimo 2021 – Valor do Salário Mínimo, Reajuste do Salário Mínimo e Aumento

Valor do Salário Mínimo 2021

SALÁRIO MÍNIMO 2021

VALOR: R$ 1.079,00

O novo valor do salário mínimo 2021foi divulgado no fim do ano passado, nos últimos dias úteis, mais precisamente em 30 de dezembro. O reajuste do valor foi publicado no Diário Oficial da União por meio de um decreto. No caso, o valor que antes era de R$ 1045,00 passou a ser R$ 1079,00, um aumento equivalente à 6,47%. Ou seja, trabalhador brasileiro passou a receber R$ 34 à mais em 2021 do que 2020.

No entanto, o aumento do salário mínimo 2021 não agradou a todos. Isto porque, meses antes, o Governo Federal havia previsto que o reajuste do salário mínimo seria na faixa de R$ 1079,00. No entanto, o valor definitivo ficou R$ 0,0 abaixo do previsto.

Este novo valor não só atinge a remuneração dos trabalhadores, como também os benefícios sociais e trabalhistas do Governo Federal, como PIS/PASEP, e a aposentadoria. Todos estes benefícios concedidos pelo governo estipulam seu valor de acordo com o salário mínimo.

Reajuste do Salário Mínimo

O reajuste do salário mínimo é importante, não só para quem trabalha com carteira assinada, como também quem contribui para a Previdência Social, através da Tabela INSS 2021. Como o valor do salário de contribuição é proporcional à alíquota do INSS, quando o salário mínimo aumenta, a alíquota do INSS também aumenta.

Outro benefício que recebe reajuste automaticamente com o valor do salário mínimo 2021 é o PIS 2021. O teto do abono salarial é 1 salário mínimo do ano corrente à liberação do benefício, portanto o aumento do mínimo também vai influenciar caso você tenha o PIS para sacar.

Assim como o PIS, também recebe reajuste o PASEP 2021, que, embora pago pelo banco do Brasil e não pela Caixa Econômica Federal, segue basicamente as mesmas regras de pagamento do PIS.

Tabela do Salário Mínimo

A tabela do salário mínimo possui o objetivo de informar aos trabalhadores à respeito da evolução do valor do salário. Até porque muitos trabalhadores possui a curiosidade de saber qual era o valor referente há alguns anos atrás.

É importante ter em mente que nem todos os estados brasileiros levam em consideração a cotado do salário mínimo definida pelo Governo. Estados como Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro possuem seus próprios salários mínimos. Neste caso, são maiores que o nacional.

Aumento do Salário Mínimo 2021 – Cálculo do Salário Mínimo 2021

Uma dúvida muito comum entre os trabalhadores é como é realizado o cálculo do reajuste do salário mínimo. Diferente do que a maioria pensa, o cálculo do valor do mínimo é feito levando em consideração a variação do Produto Interno Bruto (PIB) do ano retrasado ao reajuste. Neste caso, 2015. Depois é também realizado a soma da inflação do ano anterior por meio do Índice Nacional de Preços ao Consumidor, o INPC.

Embora o valor do salário mínimo cresça anualmente, muitas instituições acreditam que esse valor é totalmente insuficiente para o custeamento das contas do brasileiro. O Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos, também conhecido como Dieese, afirma que a melhor forma de chegar à um valor ideal é levar em considerar o preço da cesta básica mais cara do País. Como visto anteriormente, o Governo Federal leva em consideração os valores do PIB e INPC.

Cadastro Único 2021: Cadúnico

O cadastro único é mais uma implantação do Governo Federal que visa integrar os dados de todas as famílias e pessoas cadastradas em programas sociais, o cadastro é focado em pessoas que vivem em situação de extrema pobreza e vulnerabilidade social, devido a desigualdade de renda ainda muito presente no Brasil.

O cadastro único é utilizado para analisar e manter armazenado todos os dados cadastrais de famílias e pessoas que participam do programa minha casa minha vida, telefone popular, programa bolsa família 2021, programa água para todos, brasil alfabetização, programa Minha Casa Minha Vida 2021 e outros programas sociais vinculado do Governo Federal.

Cadastro Único 2021

Cadastro Único 2021

Como Funciona o Cadastro Único?

Para se cadastrar no Cadastro único é preciso atender alguns requisitos sociais, tais como a renda, o foco é pessoas que vivem em vulnerabilidade social, para participar é necessário que a família receba renda mensal de até 03 salários mínimos nacionais.

 

Como se Cadastrar no CadÚnico?

O cadastro único é administrado pela a prefeitura das cidades. Para se inscrever, o interessado deve se deslocar para o CRAS de seu município ou de sua região, munido de seus documentos de identificação e comprovante de endereço. Confira abaixo os requisitos para se inscrever no cadastro único:

  • Para realizar o cadastro é necessário que tenha no mínimo 16 anos de idade;
  • O interessado deve ter CPF e título de eleitor para realizar o cadastro.
  • Na prefeitura, quando for realizar o cadastro, é preciso informar todos os dados corretamente;
  • Vale ressaltar que o Cadastro Único não escreve ninguém em qualquer benefício social.

O CadÚnico ajuda o Governo Federal apenas a rastrear os dados e famílias cadastradas em programas de vulnerabilidade de renda, esse cadastro deve ser atualizado a cada 02 anos ou sempre que houver alteração cadastral.

Vantagens do Programa

A grande vantagem do cadastro único é que reúne em apenas um banco de dados todas as informações cadastrais de milhares de brasileiros em todo o mundo, o foco do cadastro são pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade de renda, dessa forma o Governo Federal consegue controlar em um único canal de comunicação os cadastrados e participantes dos programas sociais existente.

O programa CadÚnico é de responsabilidade do Ministério do Desenvolvimento junto à Caixa, aos estados e municípios participantes do programa, o foco do programa é o combate à fome. Especificadamente, o cadastro único facilita toda a logística das famílias catalogadas nos programas sociais.

ATENÇÃO: Todos os beneficiários de programas sociais do Governo Federal podem receber o kit gratuito de TV Digital, basta procurar o CRAS de sua cidade, e solicitar a antena. Para receber, a antena poderá ser retirada nos Correios ou no CRAS.

A identificação do CADÚNICO é feita através do número do NIS, a sigla significa número de inscrição social, onde cada participante é identificado pela a própria numeração.

Caso tenha alguma alteração ou mudança esse cadastro deve ser atualizado, para não ocorrer divergência no banco de dados do Governo Federal, caso você venha participar de algum programa, é importante checar todas as informações prestadas, mantenha o seu cadastro atualizado, essa convocação deve ocorrer a cada dois anos, caso isso não aconteça procure a prefeitura de sua região e atualize o cadastro.

Consulta Cadastro Único

Você sabia que é possível consultar os dados do Cadastro Único de qualquer pessoa inscrita pela internet? Através da ferramenta Consulta Cidadão, do Governo Federal, o

  • Acesse a página da ferramenta;
  • Digite os dados: Nome Completo, Data de Nascimento, Nome da mãe e Estado;
  • Marque a opção “Não sou um Robô”;
  • Clique em emitir.

Você será capaz de consultar os benefícios e valores de qualquer beneficiário de programas sociais, desde que tenha os dados solicitados.

Número do NIS 2021

Para quem recebe algum tipo de benefício governamental, seja ele bolsa luz, bolsa família 2021, ou até mesmo o próprio PIS precisa simplesmente ter o número do NIS para consultar ou retirar o seu benefício seja na casa lotérica ou em qualquer agencia da Caixa Econômica Federal. O número do NIS é necessário para receber grande parte dos benefícios do Governo, por isso, caso você tenha perdido o seu e precisa recupera-lo, existem algumas formas de solicitar essa aquisição, é extremamente importante manter o número do seu NIS bem guardado.

Através do número do NIS você consegue consultar saldos, extratos, benefícios, além de poder adquirir novas bolsas vinculadas ao Governo Federal.

Número do NIS 2021

Número do NIS 2021

O que é NIS?

NIS significa Número de Identificação Social. Todo o cidadão com cadastro na previdência social, no Ministério do Trabalho, ou em benefícios sociais possui esse número que pode ser encontrado  no cartão cidadão, carteira de trabalho (CTPS) ou cartão do bolsa família responsável pela inscrição do vínculo empregatício com a Previdência Social e entre outros benefícios sociais vinculados a Caixa Econômica Federal.

Cadastro NIS

O Cadastro do NIS deve ser feito pelo cidadão na Caixa Econômica Federal para que esse possa fazer a emissão de sua carteira de trabalho junto ao MTE, ou para que receba benefícios sociais do MDS, como o Bolsa Família, ou a tarifa social de energia elétrica.

Por isso, que ao ser efetivado em uma empresa o empregador solicita a carteira de trabalho para o empregado. Sendo assim, quando demitido cabe ao empregador dar baixa no NIS para que possa solicitar e dar entrada no seguro desemprego.

Como saber o número do NIS

Muitas pessoas precisam do número do NIS e ficam meio perdidos em relação a essa numeração tão importante, se você está procurando esses números veja em quais documentos encontrar a seguir:

Cartão cidadão Caixa

O número do NIS vai impresso no cartão cidadão;

CTPS – Carteira de Trabalho

Abra a carteira procure na folha onde estão seus dados pessoais, o número do NIS está junto com os dados do trabalhador;

Cartão bolsa família

O número do benefício está impresso no cartão;

Carteira de identidade

Não está presente em todos os modelos, mais em algumas identidades é possível verificar o número do PASEP/PIS.

Consultar o NIS

Hoje é possível fazer a consulta do NIS de duas maneiras, sendo a primeira pela a internet e a segunda por telefone, o modo mais prático e bem econômico de obter o número NIS é pela à internet, pois o serviço pode ser realizado em apenas alguns minutos, com um simples preenchimento de dados.

Consulta Número do NIS

Consulta Número do NIS

Confira o passo a passo a seguir:

  • Primeiramente você deve acessar o site oficial do Dataprev através do www5.dataprev.gov.br;
  • Preencher todos os dados solicitados, sendo esses dados o nome completo da sua mãe, seu nome completo, e seus dados como CPF, RG, endereço e seu e-mail;
  • Após o preenchimento, facilmente você vai conseguir consultar a numeração do seu NIS;
  • Outra forma simples de obter essa numeração é ligando para a Caixa Econômica Federal através do 0800 726 0505, tenha em mãos os seus documentos pessoais para que o atendimento seja mais rápido.

Calendário Bolsa Família 2021

Calendário Bolsa Família 2021 – O Bolsa Família é um dos programas de maior sucesso no combate e erradicação da pobreza e da fome no brasil e no mundo. Graças aos pagamentos do benefício, milhões de famílias conseguiram superar a situação de miséria e justamente pelo sucesso de sua implantação que foi criado o calendário Bolsa Família 2021, para ordenar e distribuir os pagamentos do benefício nas agências da Caixa Econômica Federal.

Calendário Bolsa Família 2021

Calendário Bolsa Família 2021

Bolsa Família 2021

O programa Bolsa Família foi implementado em 2004, na então gestão do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Seu objetivo é dar apoio socioeconômico para famílias de baixa renda – especialmente aquelas em situação de pobreza e de pobreza extrema – para favorecer a superação dessa condição.

Além da bolsa família mensal que os grupos familiares recebem, estes também recebem acompanhamento médio e por assistentes sociais, que orientam as melhores maneiras de os grupos familiares superarem suas dificuldades e saírem da linha da pobreza.

Calendário Bolsa Família 2021

O Calendário Bolsa Família 2021 foi criado para evitar transtornos e tumultos nos pagamentos das parcelas dos benefícios. O benefício é pago em agências da Caixa Econômica Federal, e postos de atendimento autorizado de acordo com o último número do NIS do benefício (impresso no cartão Bolsa Família do grupo beneficiado).

Os pagamentos usualmente são liberados entre os dias 15 a 31 de cada mês, e uma vez liberado, o beneficiário tem até 90 dias para realizar o saque do seu benefício. Caso o saque não seja realizado em 90 dias, perde-se o direito de sacar aquela parcela.

Calendário do Bolsa Família 2021

Calendário do Bolsa Família 2021

Clientes da Poupança Caixa Fácil não precisam se preocupar: que tem a poupança social da Caixa, recebe o valor do benefício diretamente na conta, não precisando ir na agência sacar o benefício, a não ser quando for utilizar o dinheiro.

Tem benefícios a receber? Confira as datas de pagamento:


Pagamento Bolsa Família 2021

Os pagamentos do benefício são liberados de acordo com o número impresso no cartão do beneficiário. Co o cartão e o número do NIS em mãos, basta consultar o calendário Bolsa Família 2021 e conferir a data em que o pagamento do benefício será liberado.

A separação das datas do pagamento do benefício ocorre para evitar transtorno e superlotação nas agências da Caixa Econômica Federal, que ocorreria se todo mundo fosse fazer o saque do benefício no mesmo dia. Assim os beneficiários podem comparecer nas agências da Caixa e Lotéricas mais tranquilamente, evitando filas excessivas.


Quem tem direito ao Bolsa Família 2021?

Terão direito a sacar o benefício dentro do prazo de pagamentos do Calendário Bolsa família 2021 todos os beneficiários que tiverem média da renda familiar de até R$ 178,00 por pessoa, e que cumpram todos os requisitos e obrigações que o programa pede de seus beneficiários.

Basicamente, o programa é dividido entre 2 faixas de renda:

  • Famílias que a média de renda seja entre R$ 0,00 e R$ 89,00 – são as chamadas famílias em situação de pobreza extrema;
  • Famílias que a média de renda seja entre R$ 89,01 e R$ 178,00 – são as chamadas famílias em situação de pobreza.

Vale lembrar que, para efeito de cálculo da média da renda familiar, considera-se a renda de todos os membros do grupo familiar, incluindo aqueles que não possuem renda, como crianças e desempregados.

Assim, soma-se a renda de todos os membros, e divide-se pelo número de pessoas que compões o grupo familiar, resultando assim na média da renda familiar.


Requisitos do Bolsa Família

Para receber o benefício, a família precisa se comprometer com uma série de compromissos com o Governo, caso contrário, pode ter seu benefício bloqueado ou até cancelado:

  • Manter em dia a carteirinha de vacinação de crianças de até anos de idade;
  • No caso de gestantes, participar de todo o calendário de consultas do Pré-natal;
  • Ainda no caso de gestantes, participar das atividades sobre conscientização sobre o aleitamento materno, caso disponíveis na sua região;
  • Mulheres com idade entre 14 e 44 precisam fazer o acompanhamento médico regular;
  • Crianças entre 6 e 15 anos de idade precisam estar matriculadas na escola, e com frequência escolar mínimas de 85%;
  • Jovens entre R$ 16 e 17 abis de idade também precisam estar matriculados na escola, com frequência escolar mínima de 75%;
  • É preciso manter em dia o cadastro com o CADÚNICO, informando em caso de mudança de endereço, na composição familiar, ou ainda, nos dados socioeconômicos da família.

Valer lembrar que, caso a família deixe de cumprir qualquer uma das condições listadas acima, poderá ter o benefício cancelado a qualquer momento pelos gestores do benefício social.


Calendário do Bolsa Família 2021 pelo Celular

Se você é beneficiado pelo Programa Bolsa Família 2021, saiba que não precisa ir até uma agência da Caixa ou lotérica para consultar a tabela do Bolsa Família 2021. O Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal disponibiliza a consulta do benefício através do celular, pelo aplicativo Caixa Bolsa Família.

O aplicativo é gratuito, e está disponível para as principais plataformas de celulares do mercado. Com ele, que recebe o benefício poderá:

  • Consultar o calendário de pagamentos do Bolsa Família;
  • Ver o saldo disponível do seu benefício para sacar;
  • Ver quando serão pagas as próximas parcelas do seu bolsa família;
  • Encontrar os postos de saque mais próximos da sua casa.

Para instalar o aplicativo no seu celular, baixe diretamente da loja de aplicativos da sua plataforma de telefone, através de um dos links abaixo?

Como se cadastrar no Bolsa Família

O cadastramento no Programa Bolsa Família é um processo muito simples. Basta que a família:

  1. Reúna os documentos de identificação de todos os membros do grupo familiar, como CPF, carteira de identidade e Certidão de Nascimento;
  2. Reúna os documentos de renda de todos os membros economicamente ativos, como a carteira de trabalho e declaração do IRPF (se for o caso);
  3. Leve os documentos ao órgão responsável pelo cadastramento no Bolsa Família no seu município. Pode ser o CRAS, Secretaria de Assistência Social ou CADÚNICO, dependendo da sua cidade.

Depois de realizar o cadastro, seus documentos serão analisados pelo Governo, para conferir se não há pendências. Uma vez por mês, o MDS libera a lista dos novos beneficiados, e você saberá se foi contemplado pelo benefício ou não.

Cartão Bolsa Família

O cartão é enviado automaticamente para o grupo familiar assim que o seu benefício tiver sido aprovado pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Depois de receber, o beneficiário com nome impresso no cartão precisa comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal e solicitar o desbloqueio do cartão do benefício. Recomenda-se que nessa ocasião, porte os documentos fundamentais de identificação (CPF e RG).

Se, mesmo após 1 mês da inscrição, você ainda não tiver recebido o seu cartão do benefício, entre em contato com o número 0800 726 0101 e solicite informação sobre o andamento do seu benefício. É importante estar nesse momento com os seus documentos de identificação em mãos.

Bolsa Família 2021 – Calendário, Consulta, Valor

O cenário de crise do ano de 2020 preocupou muita gente em relação ao futuro dos programas sociais no Brasil, isto porque foi um ano muito difícil com a crise econômica aonde o Governo cortou diversos programas sociais. Muitos beneficiários do Bolsa Família 2021 tiveram seus benefícios cortados, mas felizmente, muitos outros continuam recebendo seus benefícios através do Calendário Bolsa Família 2021. O benefício é pago aos beneficiários cadastrados no CadÚnico, que são cadastrados pelo número do PIS/PASEP – o mesmo usado para sacar o PIS 2021.

O programa Bolsa Família foi um dos programas afetados com os cortes do Governo.

Bolsa Família 2021

Bolsa Família 2021


Calendário Bolsa Família 2021

A Caixa Econômica Federal, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) já anunciou o calendário do Bolsa Família 2021 de pagamento para esse ano, confira a seguir:

Calendário do Bolsa Família 2021

Calendário do Bolsa Família 2021

Como pode ser notado, o calendário bolsa família é pago de acordo com o último dígito do cartão do Bolsa família. Essa separação das datas ocorre para evitar que haja corre-corre nas agências da Caixa Econômica Federal, evitando assim tumultos e superlotação dos bancos.

Fique por dentro também das datas de pagamento do calendário PIS 2021, e confira quanto será liberado o abono salarial caixa.


Quem tem direito ao Bolsa Família 2021?

Pessoas que vivem em extrema situação de pobreza, ou seja, que passam dificuldades financeiras, aonde todos os membros da família não devem ultrapassar renda média de R$ 178,00 por pessoa, se ainda sim por família a renda for inferior a R$89,00 a família ainda receber um valor extra para ajudar no sustento.

É necessário que as crianças da família estejam na escola e precisam também estar com a carteira de vacinação em dia, esses dois requisitos são cruciais para que as famílias continuem recebendo o benefício.  Ser os requisitos do programa não for realizado o benefício é suspenso até a regularização.


Qual o valor do Bolsa Família 2021?

O valor de pagamento do calendario Bolsa Família 2021 varia de família para família, veja os requisitos a qual o valor é definido:

  • Valor pago de R$ 89,00 para famílias que possuem renda mensal inferior a R$ 89,00 por pessoa, esse valor complementa a renda de famílias que possuem situação de extrema pobreza.
  • Crianças matriculadas na escola de idade a 0 a 15 anos recebem o valor de R$ 21,00 por criança, sendo que por cada dependente pode ter até 5 filhos;
  • Os adolescentes com idade de 16 a 17 anos recebem até R$ 46,00, porém é necessário que esteja estudando, cada família pode cadastrar até 2 adolescentes no programa.

Bolsa Família Bloqueado

Em alguns casos, o beneficiário pode ser surpreendido com o Bolsa Família Bloqueado. O bloqueio do bolsa família ocorre quando as informações do programa ficam muito tempo sem ser atualizadas, ou quando há suspeita de fraude para conseguir o bolsa família 2021. Confira a seguir as principais situações em que o bolsa família pode ser bloqueado:

  • Se o titular do benefício foi chamado para recadastrar seu benefício, mas não compareceu para realizar o recadastramento;
  • Falecimento de todos os membros da família cadastrada no programa;
  • Desatualização de cadastro;
  • Omissão de informações, informações prestadas com má fé.

Caso o seu beneficio tenha sido cancelado, procure o órgão aonde você realizou o cadastro e veja qual foi o motivo, muitas vezes o cancelamento é caracterizado a um cadastro desatualizado e pode ser resolvido de imediato, aonde a família pode realizar a atualização.

Fique por dentro: veja como sacar o seu Abono Salarial BB pelo Calendário PASEP 2021.


Consulta Saldo Bolsa Família 2021

Com a ajuda da internet é possível consultar o saldo, antes mesmo de sair de casa, isso evita o transtorno de ir lá é o benefício ainda não estar em conta, o benefício pode ser consultado através do site da caixa (www.caixa.gov.br), pelo o portal do SIBEC que é o sistema de benefícios do cidadão você consegue realizar a consulta do seu saldo e extrato, além de ser inteiramente gratuito e rápido. Basta fornecer algumas informações pessoais, é pronto!

Além do saldo do bolsa família, também é possível consultar o PIS 2021, Seguro Desemprego e Fundo de garantia em um só ligar!

Em caso de dúvidas ligue para o 0800 707 2003 ou 0800 726 0207 a central de atendimento atende todos os dias dentro do horário de atendimento comercial.

Abono Natalino Bolsa Família 2021

Final de ano chegando e junto às comemorações chegam as despesas, nesse período os gastos só aumentam, muitas vezes para quem tem condições já é difícil, imagina as famílias que vivem em extrema situação de pobreza, o Governo Federal para auxiliar essas famílias criou o programa Bolsa Família afim de facilitar o acesso a saúde, educação e alimentação a essas famílias, programa no qual contempla milhares de pessoas atualmente. Quem participa do programa ainda pode contar com o Abono Natalino Bolsa Família 2020 que é distribuído para determinadas famílias nesse período de ano, para amenizar os impactos da pobreza e vulnerabilidade social.

O Abono Natalino no Estado da Paraíba foi implantado no ano de 2012 pelo governador Ricardo Coutinho. O estado é o único do Brasil a pagar esse benefícios as família, tendo como objetivo auxiliar na rende para os períodos de festa.

Abono Natalino do Bolsa Família 2021

Abono Natalino do Bolsa Família 2021

Veja também: Confira as datas de pagamento do Calendário Bolsa Família da Caixa Econômica Federal que será liberado no próximo ano.

O que é Abono Natalino Bolsa Família 2020?

O abono natalino Bolsa Família é uma espécie de bonificação, ou melhor, 13º salário, porém nem todas as famílias serão contempladas com o abono natalino, somente as de situação de maior vulnerabilidade.

O abono natalino é um benefício exclusivo dos paraibanos, o mesmo é mantido pela a Secretária de Desenvolvimento Humano da Paraíba (SEDH).

Através do benefício cada família contemplada recebe um valor a mais do que o normal, esse valor é um dinheiro que faz toda a diferença no orçamento familiar, pois ajuda a melhorar as condições de sustento e pagar as despesas do mês.

Como Funciona o Abono Natalino Bolsa Família?

Hoje são muitas as famílias contempladas com o programa bolsa família que recebem durante esse período o abono natalino, a primeira parte do abono começou a ser paga no dia 02 de dezembro através do Banco Postal dos Correios.

A ordem dos pagamentos segue de acordo com o calendário de pagamento do Abono Bolsa Família 2021, que leva em consideração o último número de inscrição do NIS.

Quem tem Direito ao Abono Natalino Bolsa Família?

O programa social d Abono salarial do Bolsa família todos os beneficiários que:

  1. Sejam beneficiários do Programa Bolsa Família;
  2. Sejam residentes cadastrados no estado da Paraíba;
  3. Estejam na chamada situação de pobreza.

Se você não é beneficiário do programa, ou não mora na Paraíba, não terá direito ao benefício pago às famílias carentes paraibanas.

Quais Municípios que Recebem o Benefício?

Alguns dos benefícios que recebem o benefício são os seguintes:

  • Monteiro;
  • Santa Helena;
  • Arara;
  • Juru;
  • Cachoeira dos Índios;
  • Queimadas;
  • Olho d’agua;
  • Santa Luzia;
  • Barra de São Miguel;
  • Belém do Brejo do Cruz;
  • Santa Terezinha;
  • Nova Olinda;
  • Santana do Garrotes;
  • São Jóse dos Cordeiros;
  • Frei Martinho;
  • Cacimba de Areia;
  • São Miguel Taipu;
  • Entre outros.

Valor do Abono Natalino Bolsa Família 2020?

Cada beneficiário que for contemplado com o programa abono natalino vai receber o valor de R$ 32,00 a mais no orçamento, um valor baixo, mas que com certeza faz muita diferença no orçamento dessas famílias carentes.

Fique por dentro: confira também o Calendário Bolsa Família 2021, e confira as datas de pagamento dos benefícios do Governo Federal.

Como Receber o Abono Natalino Bolsa Família 2020?

Para receber o abono de natal do Bolsa Família o beneficiário (a) deve comparecer a agência mais próxima dos correios de sua cidade, seguindo o calendário de pagamento que será feito de acordo com a numeração final do Número do NIS. Sendo assim, os interessados (as) devem comparecer de segunda a sexta feira para garantir o recebimento do seu benefício.

Hoje são mais de 506 mil famílias beneficiadas com o programa que vivem nessa situação de desigualdade social. Esse benefício tem suas origens do programa bolsa família que é um dos maiores programas de transferência de renda do mundo, que tem como objetivo quebrar os impactos da pobreza e desigualdade social.

Como se cadastrar no Bolsa Família?

O valor depositado todo mês nas contas dos beneficiários, visa facilitar o acesso dessas famílias que vivem nessas condições a educação, saúde e proporcionar um sustento mais honesto e digno para viver.

  • Para participar do programa é preciso atender aos requisitos socioeconômicos do Ministério do Desenvolvimento Social, e solicitar o cadastro junto ao CadÚnico de seu município.
  • Para manter o benefícios, é necessário realizar o recadastramento anual do Bolsa Família, a fim de atualizar as informações, dessa forma essa família recebe uma ajuda mensal a fim de facilitar o acesso e proporcionar mais dignidade e condições melhores de sustento a esses cidadãos.

Calendário Abono Natalino Bolsa Família 2021 de Pagamento

Como já dissemos acima, o pagamento do Abono Natalino ocorre a partir do último dígito do seu Número do NIS, verifique qual é o seu número e confira o calendário abaixo:

  • Número NIS com final 1: 11 / dezembro;
  • Número NIS com final 2: 12 / dezembro;
  • Número NIS com final 3: 13 / dezembro;
  • Número NIS com final 4: 14 / dezembro;
  • Número NIS com final 5: 15 / dezembro;
  • Número NIS com final 6: 18 / dezembro;
  • Número NIS com final 7: 19 / dezembro;
  • Número NIS com final 8: 20 / dezembro;
  • Número NIS com final 9: 21 / dezembro;
  • Número NIS com final 0: 22 / dezembro.

RAIS 2021

É fundamental estar atento a Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida como RAIS 2021. Isto porque, ela é uma obrigação que as empresas e pessoas físicas empregadoras tem com o Governo Federal todos os anos. O motivo para isso é que ela traz informações socioeconômicas, tornando-se assim, uma fonte completa sobre os trabalhadores que atuam de maneira formal no Brasil. No entanto, ainda há muitas dúvidas sobre, por isso abaixo estão as principais informações referentes a RAIS 2021.

RAIS 2021

RAIS 2021

RAIS 2021

Antes de qualquer coisa é fundamental entender do que se trata essa Rais, chamada de Relação Anual de Informações Sociais.

Portanto, esteja ciente de que ela consiste em um documento que informa as condições socioeconômicas de maneira detalhada dos trabalhadores formais.

Dessa maneira, o seu intuito é coletar os dados ligados a fatores sociais e econômicos dos empregados e também das empresas, fazendo uma espécie de controle das atividades trabalhistas do país.

Relação Anual de Informações Sociais

Relação Anual de Informações Sociais

Inclusive, hoje a Rais é usada como a fonte principal das informações referentes ao mercado de trabalho do Brasil, exatamente por conta da sua abrangência.

Afinal de contas, com ela o Governo é capaz de reunir dados para desenvolver estatísticas.

VEJA AINDA:


Quem é obrigatório a entregar a RAIS?

Uma das principais dúvidas sempre é com relação a: quem é obrigatório a entregar a Rais?

Sendo assim, é importante compreender que a RAIS é obrigatório, precisando ser entregue todos os anos, por todas as empresas que estão com o cadastro ativo no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CPNJ).

Além disso, quem também deve entregar esse documento são:

  • Conselhos profissionais com atribuições e fiscalização do exercício profissional;
  • Cartórios extrajudiciais e consórcios de empresas;
  • Condomínios e sociedades civis;
  • Empregadores urbanos e rurais;
  • Autônomos ou profissionais liberais que tiveram empregados no ano base;
  • Filiais, representações ou qualquer outra entidade que esteja vinculada a alguma empresa domiciliar fora do Brasil.
Quem é obrigatório a entregar a RAIS

Quem é obrigatório a entregar a RAIS


Declaração RAIS 2021

Fazer a declaração Rais 2021 é algo muito mais simples do que você imagina, sendo necessário apenas:

  • Entrar no site oficial do Rais, clique aqui;
  • O próximo passo é baixar o Programa Gerador de Declaração RAIS;
  • Informe todos os dados que são solicitados;
  • Por fim grave todos os dados.
Declaração RAIS 2021

Declaração RAIS 2021

Desse modo, você já vai ter feito a declaração Rais de forma muito fácil.


Prazo de Entrega RAIS

O prazo de entrega Rais 2021 vai até o dia 17 de abril e se trata de um documento obrigatório.

Por esse motivo, a não entrega gera cobrança em valores monetários que são contados até a data da entrega ou da lavratura do auto de infração.

À vista disso, é fundamental se atentar ao prazo e fazer a entrega da Rais o quanto antes para não sofrer penalizações desnecessárias e assim evitar possíveis dores de cabeça com a justiça.


Negativa RAIS

O estabelecimento que está inscrito no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica, mas que não teve trabalhadores ou que ficou o ano inativo, precisa fazer a negativa RAIS.

O procedimento é feito de forma semelhante ao que foi informado acima, com o preenchimento de todos os dados.

Extrato FGTS 2021

Extrato FGTS 2021 – O FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) foi idealizado com o principal intuito de proteger os trabalhadores assalariados, com registro em carteira de trabalho, através de depósito, em contas abertas na Caixa Econômica, por parte do empregador, no início de cada mês, no valor correspondente a 8% do salário de cada funcionário.

O acesso e acompanhamento destes valores, dar-se-á através de Extrato FGTS, via presencial, online, aplicativo, SMS ou por carta. O saque do FGTS só pode ser realizado em situações pré-determinadas.

Extrato FGTS 2021

Extrato FGTS 2021

Como Consultar o Extrato FGTS 2021

Primeiramente, é necessário cadastrar senha de acesso para consulta ao Extrato FGTS 2021. Para isso:

  • Realize acesso ao site caixa.gov.br/extrato-fgts ;
  • Informe, no local indicado para isso, o número do NIS do trabalhador e clique na opção “CADASTRAR SENHA”;
  • Leia atentamente o regulamento apresentado pelo Sistema e clique em “ACEITO”;
  • Preencha todos os campos com os dados pessoais formalmente solicitados;
  • Crie uma senha (com até 8 dígitos) e a confirme a seguir;
  • Aguarde o recebimento de uma notificação de cadastro realizado.

Para a consulta do Extrato FGTS 2021, propriamente dita, faça-o:

Presencialmente: via uma das Unidades da Caixa Econômica. Neste caso, é preciso ter em mão, também, o Cartão Cidadão;

Via Online: acessando o site da Caixa Econômica ( caixa.gov.br ), tendo em mãos:

  • RG
  • CPF
  • PIS
  • Título do Eleitor.

Via Telefone: central de atendimento Caixa Econômica Federal – 0800 726 0207. Basta seguir as orientações indicadas durante a chamada.

Via SMS: mediante digitação das informações solicitadas, que são número de NIS (PIS/PASEP 2021) e senha da Internet cadastrada ou com o uso da Senha Cidadão.


Quem tem direito ao Fundo de Garantia

O FGTS, quantia depositada mensalmente em conta individual de cada colaborador com registro em carteira assinada, conforme previsto pela CLT – Consolidação das Leis do Trabalho, só pode ser utilizada, quando o trabalhador:

  • O contrato de trabalho for rescindido sem justa causa;
  • Finalizado um contrato de trabalho com por prazo pré-determinado;
  • A empresa em que estiver trabalhando vier por encerrar suas atividades (por consequência de falência, morte do empregador individual ou de nulidade do contrato de trabalho);
  • O contrato de trabalho for rompido penitência de culpa recíproca ou força maior;
  • O trabalhador se aposentar;
  • Em casos de necessidade pessoal (considerada por análise, urgente e/ou grave), em decorrência de desastres por meio da natureza, que tenham atingido residência, ou quando for decretado estado de emergência ou calamidade pública em sua cidade;
  • Tiver suspenso seu Contrato de Trabalho Avulso em prazo igual ou superior a 90 dias;
  • Em caso de falecimento do trabalhador, o saque pode ser realizado por seus dependentes legais;
  • O trabalhador tiver idade igual ou superior a 70 anos;
  • O trabalhador (ou algum dependente legal) for portador do vírus HIV ou de câncer;
  • O trabalhador (ou qualquer dependente legal) que esteja em estágio terminal, em virtude de doença grave;
  • A conta de FGTS estiver sem depósitos, pelo período de 3 anos, ininterruptos, desde que o último afastamento tenha ocorrido até 13/07/1990, inclusive;
  • Para abatimento, quitação de saldo devedor ou pagamento de parte de prestações de imóveis, obtidas através de consórcio;
  • Para abatimento, quitação de saldo devedor ou pagamento de parte de prestações de parcelas de financiamento habitacional no que ser refere ao Sistema Financeiro de Habitação.

Como Consultar FGTS pelo CPF

Consulta AbonoO número do CPF é imprescindível na consulta ao FGTS.

  • Pelo site: basta preencher o campo PIS 2021, incluir senha cadastrada e clicar na opção OK;
  • Pelo aplicativo: baixar grátis o aplicativo FGTS, cadastrar senha de acesso e cadastrar-se, para ter acesso as consultas desejadas;
  • Por SMS: serviço gratuito de envio de mensagens, através do qual recebe-se mensalmente informações sobre depósitos e saldo atualizado de FGTS;
  • Por carta: basta informar, via uma das Unidades da Caixa Econômica ou pelo telefone 0800 726 01 01, o endereço residencial, para recebimento de extrato FGTS, a cada 2 meses.

Certidão FGTS

A Certidão FGTS pode ter seu saldo consultado, através do uso do Cartão Cidadão.

O Cartão do Cidadão é para quem possui FGTS provisionado, dentre outros serviços sociais.